Colunas

CLÁSSICO

FC Cascavel 3 X 1 Toledo, deu a lógica no clássico da soja

Publicado em: 03/11/2020

O porco provou mais uma vez o amargo veneno da Serpente Aurinegra

O FC Cascavel venceu mais uma vez o Toledo, resultado que tem sido normal nesse ano de 2020. No Estádio 14 de novembro as equipes se enfrentaram no domingo, com uma temperatura de quase 30 graus e ar rarefeito – o que não impediu muita disposição das duas equipes, prevalecendo o plantel com mais categoria do nosso FC. Começamos tocando mais a bola, atacando pelos dois lados. O gol aconteceu num lançamento longo do zagueiro Afonso para Júnior Prego, que matou no peito com categoria e fuzilou o arqueiro toledano, no primeiro minuto da partida.

Pouco depois, num escanteio cobrado da esquerda do ataque, o Toledo quase empatou, numa saída errada do goleiro Ricardo. O Toledo se mostrou muito aguerrido, embolou a entrada de sua área e tentava sair em jogadas rápidas pela esquerda. O gramado ruim não ajudou as equipes. A partida foi truncada, com muitas faltas. Oberdan, que tem sido o destaque do FC Cascavel nas últimas partidas, segurou muito a bola, com preciosismo,  e nosso atacante Robinho foi muito bem marcado.  As bolas lançadas em nossa área sempre traziam perigo. Aos 39 minutos do segundo tempo, tivemos uma bola na trave do FC Cascavel, com o goleiro reserva Ricardo mal posicionado. O placar foi justo na primeira etapa.

No retorno da partida, o Toledo começou melhor, procurando o empate. Mas em seguida dominamos o meio de campo e perdemos algumas oportunidades de gol.  Aos 23 minutos Robinho quase marcou, num cruzamento da esquerda do ataque. Aos 26, num lançamento do prata da casa Paulo Baya, o zagueirão Afonso marcou de cabeça, E aos 41m, ele mesmo Paulo Baya, cobrou com categoria uma falta da entrada da grande área, liquidando a partida. O gol de honra do Toledo foi de pênalti, aos 46m, através de PH, que novamente foi o destaque do Toledo. No lado do FC Cascavel, Afonso, Robinho, Júnior Prego e Paulo Baya foram os melhores. Falta um matador, existe uma expectativa boa com a recente contratação dos atacantes Douglas Costa e Anderson Cavalo.

O FC Cascavel começa a semana em terceiro lugar no Grupo A7 da Série D do Brasileirão. Com a vitória da Ferroviária sobre o Mirassol, por 1x0, na tarde da segunda-feira, o funil para a fase do mata-mata se aprimora, com cinco equipes bem próximas, o que deve levar a disputa – e a emoção – até a última rodada.  Veja a classificação: Ferroviária em primeiro, com 20 pontos (enfrenta o Toledo em casa, na próxima rodada); Cabofriense, 19 pontos; FC Cascavel, 18; Mirassol, 16 (enfrenta o FC Cascavel em casa, no próximo domingo); Bangu, 16 (fica fora da zona de classificação pelo saldo de gols); Portuguesa, 13; Nacional, 05; e Toledo, 01. As próximas rodadas serão fundamentais para encaminhar a classificação do nosso FC Cascavel – um empate contra o Mirassol fora de casa, no domingo, dia 08, encaminha a definição para os dois jogos seguintes, que serão em casa. A Cobra Aurinegra precisa melhorar na finalização das jogadas, e voltar a mostrar o excelente futebol do campeonato paranaense. A competição vai esquentar – e muito! 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
×

Assine Aldeia

Por apenas R$ 9,90* / mês.

Deixe seu telefone, nós ligamos para você.
Venha fazer parte da nossa tribo!