A revista mais premiada do Paraná
14 anos de história

Bola na Aldeia

Márcio Couto
Médico, escritor e entusiasta do esporte

Cascavel perdeu de novo para o Azuriz, desta vez em Pato Branco

Publicado em: 06/06/2022


As contas agora são para ficar entre os quatro primeiros colocados

O Cascavel perdeu novamente para o Azuriz, no jogo no Estádio Os Pioneiros, em Pato Branco, e é o terceiro colocado no grupo 8 da Série D do Brasileirão. As contas agora são para a classificação, para ficar entre os quatro primeiros e seguir adiante na competição. O jogo foi muito movimentado, com a Serpente do Oeste obtendo mais de 70% do posse de bola, notadamente no primeiro tempo. Não aproveitou cobranças de falta frontais, desperdiçou oportunidades e ... não teve sorte, também.

O FC Cascavel começou melhor, até amassou o Azuriz, que se defendia muito bem. Até com bolas altas o Cascavel teve chances de gol, mas sem sucesso. Só de escanteios, foram oito a favor do time do Oeste. Doka e Lucas Coelho se movimentaram muito bem, com as subidas do Cascavel geralmente pela direita. Próximo dos 40 minutos, o Azuriz  aproveitou dois contra-ataques e marcou os dois gols da primeira etapa. No primeiro, ouve uma inversão de jogo da direita pela esquerda que deixou fora de ação o esquema de defesa do Cascavel, a partir do meio de campo.

Léo Itaperuna e França apenas assistiram a jogada, antes da bola ser lançada pelo excelente lateral esquerdo do Azuriz, Jamerson, que encontrou Mateus Robinho muito bem colocado - ele cabeceou no ângulo esquerdo de André Luiz (38m). O segundo foi logo depois, com o Cascavel ainda tonto pelo primeiro gol sofrido. Yuri Mamute recebeu um cruzamento e virou a bola com força, mesmo marcado pelo zagueiro William. A bola entrou forte, também no canto esquerdo de André Luiz (42m). 2x0 para o time que mais se defendeu e pouco atacou. Mas foi mais eficiente.

O segundo tempo começou com alguma expectativa, seria uma dura empreitada. O que faria o auxiliar técnico Zé Luiz, trocaria algum jogador, insistiria com a jogadas pelo alto? Tcheco foi expulso no jogo de Cascavel, assim como o zagueiro Fernando. Ítalo cumpriu suspensão dos cartões amarelos. Essa ausência dos dois beques for fundamental para a derrota que se anunciava quando os times voltaram a campo. Logo no começo da segunda etapa, o atacante Lucas Coelho descontou para o Cascavel, numa falha da defesa do Azuriz.

Mas o time de Pato Branco aguentou a pressão e acabou fazendo o terceiro, com LucasVieira, aos 32 minutos, num contra-ataque que contou com uma falha da zaga cascavelense. 3x1. Aos 38 minutos, Cavani, que acabara de entrar, fez o segundo do Cascavel, numa jogada treinada com batida de escanteio a meia altura. No entanto, a reação não teve sequência e o placar de 3 a 2 acabou justo. A disposição tática e o entrosamento coletivo do Azuriz foram melhores. Serão necessárias vitórias em casa e pelo menos dois empates fora em seis rodadas para continuar na competição.

A vitória de 3 a 2 mantém o Azuriz na ponta da chave, agora com 17 pontos. O Caxias venceu o Próspera por 1 a 0 e é o segundo colocado com 16 pontos. Com a derrota o FC Cascavel caiu para a terceira posição, com os 14 pontos que conquistou até a sexta rodada – agora são duas rodadas seguidas de derrotas, e para o mesmo time. O Aimoré empatou com o Juventus-SC em 0 a 0 e perdeu a chance de subir na tabela, ficando em quarto.  

Na próxima rodada o FC Cascavel vai enfrentar o fraco o fraco Juventus-SC em casa. O jogo será no domingo (12) às 15h. O Azuriz vai até Rio Grande do Sul duelar com o Aimoré, em São Leopoldo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Expresse, fale, opine, sugira! Nós queremos fazer nossa Aldeia cada vez melhor.

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
© 2022 REVISTA ALDEIA Todos os direitos reservados.
Alguma dúvida? Nos te ajudamos. Ligue: (45) 3306-5751