Colunas

A baixa autoestima de Cascavel

Publicado em: 18/11/2020

"Em festa de jacu, inhambu não pia”
Provérbio


Durante muitos anos Cascavel viveu sob o estigma da “fazenda iluminada” e, pior, complexada. A manifestação do “complexo de vira-lata” era e, infelizmente ainda é, frequentemente reforçada por nós mesmos, cascavelenses. “Essa cidade”, “Só em Cascavel mesmo” e “Curva de rio” são algumas das expressões rotineiras por aqui.

Quando comecei a participar de prêmios de jornalismo em nível estadual, não acreditava que podia competir com “gente fina” da capital e até de cidades como Maringá e Londrina. Ser do “interior”, do Oeste, era quase um sinônimo de “jacu”. Sim, jacu do mato! Caipira!

Aos poucos, fui quebrando paradigmas e vendo que tudo está dentro de nós. Mas, se está dentro de nós, foi cultivado por alguém. De onde vem, afinal, este complexo de inferioridade? Por que este deslumbramento com outras cidades? Por que é tão difícil reconhecer que nossa cidade é maravilhosa? Que tem mentes brilhantes em todas as áreas aqui? Por que supervalorizamos quem vem de fora e viramos as costas para os nossos talentos?

Confesso, já gostei menos de Cascavel. Criticava tudo. Era uma chata. Quando recebia alguém de fora, me antecipava nos julgamentos, como se fosse um pedido de desculpas pela cidade não oferecer tantas opções. 

Bobagem! Quem vem de fora se encanta por Cascavel e enxerga coisas que não vemos. Hoje, quando olho para a cidade, vejo, sim, os problemas (tem muitos), mas permito-me um olhar de doçura e amor. Aos 69 anos, Cascavel merece este olhar! 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

1 COMENTÁRIO(S)

Concordo com tudo Rejane. Cascavel cresceu, tornou-se uma linda moça estudada e letrada. Cidade linda, florida, de um clima adorável, berço dos pinheirais e maravilhosos pássaros. Região que alimenta o mundo, terra das águas. Cascavel é nossa riqueza. Bendita a hora que resolvi vir para cá.
comentado por jack szymanski em 23/11/2020
×

Assine Aldeia

Por apenas R$ 9,90* / mês.

Deixe seu telefone, nós ligamos para você.
Venha fazer parte da nossa tribo!