A revista mais premiada do Paraná
14 anos de história

Viaje com a Julia

Julia Paixão
Advogada e apaixonada por viagens

Santiago!

Publicado em: 20/03/2021
Fiz uma viagem de quatro dias com minha família para a moderna e charmosa Santiago, no Chile. Mesmo sendo verão - viajamos em janeiro de 2019 - um passeio inesquecível! A Cordilheira dos Andes nos magnetiza sob todos os aspectos... 

PRIMEIRO DIA
A primeira coisa que fizemos, chegando lá, foi procurar as casas de câmbio da Rua Agustinas para trocar reais por pesos chilenos. Em Cascavel, não tinha a opção de comprar peso chileno. Para aproveitar o tempo, já que estávamos no centro, fizemos alguns passeios a pé. Fomos ao Palácio de La Moneda, sede da Presidência da República do Chile. 

Local histórico da ditadura chilena. Bonito para tirar fotos, não se pode chegar perto e visitas somente guiadas e agendadas previamente pelo site. O palácio também é famoso pelo espetáculo da troca de guarda, e é preciso ver calendário com dia e hora da cerimônia. Dali, uma passada ao Cerro Santa Lucía, um morro com vista da cidade. Gostamos bastante, caminhada leve para subir. À tarde contratamos uma empresa de turismo que nos levou até a vinícola Concha y Toro. Amamos!
 
SEGUNDO DIA
No segundo dia, conhecemos as cidades de Valparaiso e Viña del Mar. Fomos com empresa de turismo em passeio comprado previamente.  Imperdível. Valparaíso é uma cidade feia (diferente, rsrs), mas tem uma das casas de Pablo Neruda e vale a visita. Viña del Mar é uma cidade linda, com praia. Foi incrível molhar os pés no mar gelado do Oceano Pacífico. Esse passeio durou o dia inteiro. 
 
TERCEIRO DIA
No terceiro dia fomos ao famoso e majestoso Cerro San Cristobal Hill, primeiro lugar no Tripadvisor.  O local, neste dia, abria às 10 horas, então chegamos 09h40 e fomos para fila do Funicular (estava tranquila, depois aumentou muito). Compramos ingressos “funicular + teleférico (ida e volta)”.  Subimos de funicular, aproveitamos o cerro, tomamos a bebida típica “huesilhos com mote”, e seguimos até a estação do teleférico. 

Descemos e subimos de teleférico e, por fim, voltamos de funicular. O teleférico é novo, bonito e passa segurança, com vista linda! Fizemos isso porque queríamos visitar a La Chascona (casa de Pablo Neruda) que fica pertinho da estação do funicular.

Sobre a La Chascona (casa de Pablo Neruda), é uma visita audioguiada, em rádio, em português... funciona bem e é bem legal! Eu não “conhecia” muito de Neruda e mesmo assim gostei bastante. Almoçamos no Mercado Central e aproveitamos para conhecer a Plaza de Armas e a Catedral Metropolitana. 

Ao final do dia, resolvemos pegar um Uber e ir até o Museu da Memória e dos Direitos Humanos. A construção por fora já é um show! Linda e moderna! Dentro, a triste história da ditadura chilena. Vale a pena conhecer e nos deixa bastante impactados, pensando sobre nosso país.

QUARTO DIA
No quarto dia fizemos mais um passeio previamente contratado com agência de turismo até Cajon del Maipo e Embalse el Yeso. Basta dar um Google e ver porque esse passeio é magnífico. Natureza estonteante. Todo dia de passeio. 
 
DICAS 
Andamos bastante a pé por Santiago. Baixei o mapa no Google Maps e conseguíamos nos locomover tranquilamente. Não comprei chip de internet e usava wifi público ou de locais privados.  Para distâncias mais longas, Uber. Os valores das corridas não passavam de R$ 20 (já convertidos). Pela comodidade e agilidade, vale a pena. O chile é lindo, e no verão é mais barato!

 /arquivos/images/IMG_20200218_160705.jpg /arquivos/images/IMG_20200217_125326.jpg /arquivos/images/Costanera%20Center.jpg

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Expresse, fale, opine, sugira! Nós queremos fazer nossa Aldeia cada vez melhor.

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
© 2022 REVISTA ALDEIA Todos os direitos reservados.
Alguma dúvida? Nos te ajudamos. Ligue: (45) 3306-5751