Matérias

50 anos

Cockpit no Policlínica

Dos 7 mil hospitais existentes no Brasil, apenas 322 possuem Acreditação de Excelência da ONA, uma das principais organizações acreditadoras do Brasil. Em Cascavel, o Policlínica recebeu o ONA em seu aniversário de 50 anos

Texto Rejane Martins Pires
Foto(s) M2COM


Em inglês, “cockpit” significa painel de controle, como aqueles que estão presentes nos aviões. Em uma empresa, a solução constitui uma gestão de performance que utiliza recursos gráficos para garantir uma boa visualização de dados.

No Hospital Policlínica de Cascavel, significa tudo isso e mais um pouco. Trata-se de uma reorganização de processos com foco na excelência, eficiência operacional e alta resolutividade. Traduzindo em miúdos: bom atendimento ao paciente. 

Na prática, é a integração da equipe para um propósito comum. “Ou seja, não basta olhar para o meu setor. Eu tenho que olhar para a relação do processo que envolve todos os setores e acompanhar o paciente da entrada à saída”, explica o gestor hospitalar Everton Dutra.

Foi graças a esta visão e este planejamento estratégico que o Hospital Policlínica de Cascavel recebeu oficialmente o Certificado de Acreditação da ONA, entrando para o rol dos 5% dos hospitais credenciados no Brasil. “Hoje temos este reconhecimento porque merecemos estar no nível 01 do ONA. Nosso trabalho nunca termina. Chegaremos ao nível 3 e continuaremos primando por qualidade”, frisa Dutra. 

O Nível 1 demonstra que a instituição apresenta requisitos básicos de qualidade assistencial e segurança para o paciente. O Nível 2, conhecido por Acreditação Plena, caracteriza-se pela adoção de um plano de melhorias nos pontos avaliados para a conquista do próximo nível de acreditação e o Nível 3, Acreditação com Excelência, comprova que a instituição atingiu a excelência, adotando indicadores para a avaliação de resultados.


CELEBRAÇÃO DUPLA

Para comemorar o reconhecimento da ONA, que coincidiu com o cinquentenário do hospital, diretores e gestores do Policlínica reuniram a imprensa para um coquetel. 

Durante o evento, o presidente Dr. Ovidio Rohde, ressaltou a longa caminhada. “Tudo isso é resultado de uma construção”, disse. “E o ano de 1982 foi determinante para esta alavancagem, pois foi lá atrás que decidimos não fazer distribuição de dividendos e reinvestirmos tudo o que se ganhasse do lucro. Com isso, o hospital evoluiu para o que se tem hoje”.

A conquista, explica, deve-se também ao conhecimento organizado, liderado para um propósito: o paciente sempre no centro. Com 140 leitos e perspectiva de abrir mais 50, o Hospital Policlínica de Cascavel atende pacientes de todo o Oeste do Estado, sendo 60% do movimento de Cascavel e 40% da região. 


O que é o ONA?

A ONA é uma organização privada criada em 1999 com o objetivo de coordenar o Sistema Brasileiro de Acreditação, um conjunto de regras e procedimentos de certificação dos serviços de saúde no Brasil criado por uma iniciativa do Ministério da Saúde, em parceria com entidades que representam o setor. Os principais tópicos levados em consideração para a obtenção da certificação são: liderança e administração, organização profissional, atenção ao paciente/cliente, diagnóstico, abastecimento e apoio logístico, infraestrutura, apoio técnico e ensino e pesquisa. 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.