Matérias

Edição 127
Uma Pergunta

As revistas estão mortas?

Fábio Petrossi Gallo

Publicado em 24/04/2019

Fábio Petrossi Gallo

Tenho a firme crença de que as revistas não estão mortas e de que continuarão a ter um papel essencial na vida das pessoas. O jornalismo de qualidade é fundamental para a sociedade. Nossa missão tem se mostrado cada vez mais necessária: apurar, checar e esclarecer os fatos, levando ao conhecimento do público.
 
E não importa o formato em que o conteúdo chega até ele. Revistas são muito mais que um produto impresso com conteúdo sendo distribuído seja por meio digital, pela realização de eventos, pela produção de podcasts ou vídeos, por exemplo. Diria, então, que elas são marcas que produzem informação de credibilidade e a disseminam independentemente do meio.
 
Porém, não posso deixar de mencionar que são muitos os desafios que o modelo de negócios impõe. Gerar receitas que façam frente à transformação do nosso modelo de negócio é um dos grandes desafios. Além disso, conquistar, manter e engajar assinantes são cada vez mais imprescindíveis. Assinaturas transformaram-se em importante fonte de receitas para o Meio. Investimentos neste sentido são muitos, seja com o uso de tecnologias que permitam o maior conhecimento ou o engajamento do leitor ou na capacitação de profissionais para lidar com essas tecnologias.
 
A Associação Nacional de Editores de Revistas (Aner) está atenta às transformações pelas quais passa o setor e como Associação buscará reforçar ações de apoio aos associados, principalmente proporcionando acesso a informações atualizadas sobre o Meio; estimulando as atividades que visem a troca de experiências entre seus associados e instituições parceiras e também a capacitação de profissionais das empresas associadas. Afinal, empresas não evoluem sozinhas, pois elas são feitas por pessoas.


Fábio Petrossi Gallo é diretor financeiro da Editora Globo 
e presidente da Associação Nacional de Editores de Revistas (Aner)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.