Matérias

MEIO AMBIENTE

Por que as árvores do  lago estão morrendo?

O aumento do nível de água pode estar camuflando novos pontos de assoreamento e afetando o sistema radicular das árvores

Texto Rejane Martins Pires

Publicado em 27/05/2019


Engolidas pela água. Esta é a situação de muitas árvores no entorno do Lago Municipal de Cascavel. Para quem frequenta o local, o cenário é triste. Numa distância de pouco mais de 2 quilômetros, são mais de 30 árvores mortas ou na iminência de morrer. 

O secretário de Meio Ambiente, Wagner Seit Yonegura, afirmou desconhecer o problema. “Ninguém me passou nenhuma informação a respeito. Só temos o registro de uma árvore morta em função de erro de poda”, disse. 

Indagado se o problema tem alguma relação com o processo de desassoreamento concluído em 2010, quando foram colocadas placas no vertedouro para aumentar o nível da água, Yonegura não soube explicar. 

As placas, de com a assessoria de imprensa da Sanepar, foram colocadas pela Secretaria de Meio Ambiente (Sema), durante as obras de desassoreamento para reduzir a movimentação da água, evitando que as ondas “esburacassem” as margens.  O aumento do nível de água, porém, pode estar camuflando novos pontos de assoreamento e afetando o sistema radicular das árvores. 

Na época foram investidos R$ 2 milhões, com aditivo de R$ 500 mil e projeto ao custo de R$ 174 mil. Foram retirados 108 metros cúbicos de lodo. Não há, no momento, nenhum novo projeto de desassoreamento ou estudo de proteção da área e a equipe de engenharia ambiental da Sema também desconhece o problema.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
×

Assine Aldeia

Por apenas R$ 9,90* / mês.

Deixe seu telefone, nós ligamos para você.
Venha fazer parte da nossa tribo!