Matérias

MEMÓRIA

Salazar, o homem da fivela dourada

Texto Rejane Martins Pires
Foto(s) Vanderson Faria

Publicado em 05/02/2021


Em agosto de 2008, a equipe da Revista Aldeia foi recebida com muito carinho por Salazar e dona Idalina Barreiros. Hoje, neste dia triste, recuperamos esta bela memória

Boa parte dos cascavelenses desconhece a história do casal de professores Salazar e Idalina Barreiros. Paulistas, eles chegaram ao Paraná em 1958. Na mala, dois diplomas de Pedagogia. Arregaçaram as mangas e foram para as salas de aula de Mandaguassu, no Norte Pioneiro. Idalina ensinava biologia e anatomia e Salazar, matemática e línguas (inglês, francês, italiano e latim), idiomas que aprendeu durante a juventude no seminário. “Chegamos a dar 50 aulas semanais”, diz.

Esta rotina durou mais de 20 anos. Neste período, Salazar cursou Direito na Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, e quando mudou-se para Goioerê, pediu demissão do Estado para se dedicar à advocacia. Em 1981, fincou o pé em Cascavel, onde já tinha terras. Hoje, aos 69 anos, Salazar vive com dona Idalina – e o inseparável cão Spok - em uma confortável casa no Bairro Country.

O casal  dedica-se à pecuária em Cascavel e Amambai (MS). De origem rural - o pai era agricultor -, ele cultiva hábitos simples, como comer “feijão com arroz” e reunir a família aos domingos para um churrasco. “Nossa vida é muito pacata”, afirma. 
/arquivos/images/WhatsApp%20Image%202021-02-05%20at%2013.59.58.jpeg
Salazar e Idalina recepcionaram a equipe da Revista Aldeia com muita cordialidade
Lembranças
Expressivo, Salazar só titubeia quando fala sobre o filho Lourenço, falecido em 2004. “É uma dor que não tem nome. Vivo isso todos os dias”, desabafa, enquanto Idalina inverte seu olhar para um retrato na parede. Outra lembrança do filho é a fivela dourada que carrega na cintura desde 1985. “Foi um presente dele e por isso quase não tiro”, diz. Ele tem mais dois filhos - Salazar Júnior e Cassius -, e seis netos.

*Material veiculado na edição número 10 de Revista Aldeia (agosto de 2008) na série “Café com candidatos”. 
** Aos 81 anos, Salazar faleceu hoje (05 de fevereiro de 2021). Ele não resistiu a uma infecção após cirurgias na coluna.




 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
×

Assine Aldeia

Por apenas R$ 9,90* / mês.

Deixe seu telefone, nós ligamos para você.
Venha fazer parte da nossa tribo!