Matérias

Edição 149
JARDINS DE CASCAVEL

Na hora da despedida, um abraço em forma de assistência e acolhimento

Texto Assessoria de Imprensa
Foto(s) Divulgação

Publicado em 22/04/2021


Cemitério Jardins de Cascavel há 20 anos oferece respaldo, carinho e cuidado no momento da perda

Não há nada mais certo que a morte - não há como driblá-la, se esconder dela ou remarcar um encontro para depois. Ao mesmo tempo, não há assunto mais complexo para ser abordado. O tema é espinhoso, evitado e incompreendido. Mas há 20 anos, o Cemitério Jardins de Cascavel tornou-se um espaço não só de despedida, mas também de alento, fazendo o essencial para que a família se sinta respaldada neste momento.

AMBIENTE ACOLHEDOR
O Jardins de Cascavel é um cemitério parque, isso significa que os jardins, gramados e o espaço arborizado compõem o ambiente, com uma atmosfera de paz localizada em uma área privilegiada da cidade. O cemitério foi idealizado para fazer cultos à memória e à saudade.

Um reconfortante momento pelas boas lembranças daqueles que conviveram conosco, um dos mais belos e modernos cemitérios da região. Empreendimento único na região com essas características, é um verdadeiro tributo. 

No momento difícil, em meio à voz embargada pelo choro do adeus, ter à disposição uma estrutura adequada e segura é como se fosse um abraço reconfortante. No Jardins de Cascavel, há duas salas para velório, com sala de repouso e banheiro privativo, com vista para a área verde.

Parentes e amigos têm acesso à copa, serviço de café, sala de meditação ecumênica, amplo estacionamento, brinquedoteca e jardim de inverno além disso, os colaboradores têm como principal objetivo oferecer acolhimento aos que precisam do serviço. 
 
 

DO LUTO À VIDA
O velório é apenas o início do processo de vivência do luto. Como forma de amparo nos dias subsequentes da partida, o cemitério também disponibiliza palestras de apoio para o momento de necessária introspecção e busca por entendimento. “O projeto se chama ‘Do luto à vida’, realizando encontros - presenciais ou virtuais sobre os temas.

A intenção é fazer com que os familiares consigam aprender a lidar com a dor, além de ser um espaço aberto para que a comunidade em geral participe e conheça o trabalho do Cemitério Jardins. Já abordamos temas como: luto infantil, como os homens reagem ao luto, arrependimento, luto na era Covid, luto nas datas especiais“, explica a psicóloga responsável pelo projeto, Deise Rosa. 

AMOR É PLANEJAR O FUTURO   
Plantão 24 horas e orientações sobre o que o cliente precisar são outras formas de o cemitério cooperar com a família. A assistência pode ser ainda mais completa se as pessoas se anteciparem ao momento que virá, ainda que a data seja incerta.

Começar a conversar sobre este assunto hoje, apesar de difícil, é um verdadeiro gesto de amor. Todos nós temos a certeza de que a morte vai chegar, porém como seres humanos, temos restrição em falar no assunto e, quando acontece, muitos são pegos de surpresa, tendo gastos não planejados. A intenção dos Jardins é mostrar ao cliente que a compra de uso futuro traz conforto financeiro e sentimental. 
 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
×

Assine Aldeia

Por apenas R$ 9,90* / mês.

Deixe seu telefone, nós ligamos para você.
Venha fazer parte da nossa tribo!