A revista mais premiada do Paraná
14 anos de história
Valéria Bellafronte

Nota de pesar

Texto Rejane Martins Pires

Publicado em 25/07/2022


 
A Revista Aldeia lamenta, com profundo pesar, o falecimento da jornalista Valéria Bellafronte, 41 anos. Valéria atuava como colunista da Aldeia desde 2016 e escrevia sobre cooperativismo de crédito. 

Durante algum tempo, assinou reportagens com foco no jornalismo positivo, contando histórias de pessoas simples fazendo coisas extraordinárias. Apaixonada pela vida, também Valéria conquistou milhares de fãs em sua carreira como radialista da Rádio T. 

Recentemente, largou o rádio para se dedicar a outros projetos. Estava feliz, finalmente, vivendo aquilo que acreditava. Neste momento triste, a Revista Aldeia presta condolências aos familiares e amigos de Valéria, desejando forças para que superem a dor da imensurável perda. 

Como ela própria transcreveu em suas redes sociais no dia 02 de julho, “a morte, por si só, é uma piada pronta”. Ela se referia ao texto de Pedro Bial. “Sempre quando alguém de perto vai embora, eu me pego analisando a minha vida... a maneira com que conduzo as coisas… E lembro desse texto: “A morte”, por @pedrobial”. 
 
A morte, por si só, é uma piada pronta
Morrer é ridículo
Você combinou de jantar com a namorada
Está em pleno tratamento dentário
Tem planos para semana que vem
Precisa autenticar um documento em cartório
Colocar gasolina no carro
E no meio da tarde, morre
Como assim?
E os e-mails que você ainda não abriu?
O livro que ficou pela metade?
O telefonema que você prometeu dar
À tardinha para um cliente?
Não sei de onde tiraram esta ideia
Morrer, a troco?
Você passou mais de dez anos da sua vida
Dentro de um colégio
Estudando fórmulas químicas
Que não serviram para nada
Mas se manteve lá, fez as provas
Foi em frente...

Verdade Valéria, morrer é ridículo! Mais ridículo ainda é morrer sem se despedir, sem tomar o último café, sem abraçar a mãe, o irmão, sem beijar o filho!
Mas você viveu intensamente cada segundo e tornou-se um raio de luz para muitas pessoas. Que esta fagulha siga iluminando muitos caminhos por aí... siga em paz! 
 

Deixe seu comentário

Expresse, fale, opine, sugira! Nós queremos fazer nossa Aldeia cada vez melhor.

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
© 2022 REVISTA ALDEIA Todos os direitos reservados.
Alguma dúvida? Nos te ajudamos. Ligue: (45) 3306-5751