A revista mais premiada do Paraná
14 anos de história

Patricia, uma guerreira

Publicado em 03/03/2017

As armas da farmacêutica bioquímica Patricia Urquidi Beiral para ir além da simples venda de remédios e ser uma Guerreira do Comércio

Texto: Rejane Martins Pires
Fotos: Vanderson Faria

A boliviana Patricia Urquidi Beiral escapou dos inúmeros conflitos políticos que abalaram seu país nos anos 1980, mas não fugiu de seu sonho. Apoiada pelos pais, deixou a cidade de Santa Cruz de la Sierra , aos 18 anos, para fazer faculdade de Farmácia na Universidade Estadual de Ponta Grossa, no Paraná. Aqui, no Brasil, descobriu o que parecia o óbvio. Ser farmacêutica era ir além da simples venda de remédios no balcão. Com uma formação esmerada e crítica ferrenha do conceito de farmácia como mero comércio, Patricia se entregou de corpo e alma a um projeto inovador.

Deixe seu comentário

Expresse, fale, opine, sugira! Nós queremos fazer nossa Aldeia cada vez melhor.

Importante: Comentários com conteúdo sensível, impróprio ou que for considerado inadequado – por qualquer motivo, a critério do moderador – serão sumariamente deletados.

Deixe seu comentário.
© 2022 REVISTA ALDEIA Todos os direitos reservados.
Alguma dúvida? Nos te ajudamos. Ligue: (45) 3306-5751